domingo, maio 31, 2009

Reflexão Semanal com o Diabo II

Só agora me apercebi que já este mês nos tinha sido dado experienciar o Diabo, nem há 15 dias, mas pelos visto não lhe dei/demos a atenção merecida e ele surgiu neste final de mês.
Que será ainda preciso reflectir sobre esta lâmina que nos leva para os fundos da nossa existência, para o mergulharmos nas nossas águas profundas e ver o que lá existe. Enfim, que nos leva a aceitar a escuridão que há em tudo, para depois, e só depois, nos podermos elevar à Luz.

A reflexão começa com o 6 de Espadas o que nos leva para as ideias, para as estruturas mentais que criámos em nós e pelas quais vivemos aprisionados. O que me levou a pensar na conversa do filme Matrix entre Neo e Morpheus, quando estes estão a lutar num programa de treino da matrix e Morpheus pergunta a um Neo ainda agarrado às leis da matrix: Is that air you're breathing?

Esta carta levou-me ainda para a Era de Aquário e para todas as novas filosofias que dai surgem, vamos ver o resultado.

É urgente organizar as nossas ideias, é urgente direccionar o nosso mental para quebrar as barreiras, é urgente reinventarmos a nossa existência. É urgente inovar na forma como comunicamos uns com os outros, quebrar as regras e padrões existentes, aceitar a energia e a sua troca como algo real e não apenas algo que é cool dizer hoje em dia. Mas como poderemos fazê-lo?

O Poder da nossa Vontade/Desejo é muito forte, não há nada que não consigamos fazer se dirigirmos bem esse Poder. Revelemos a nós a próprios os nossos desejos mais íntimos e avancemos no seu enlaço, por mais ridículos que racionalmente nos possam parecer. Quando assim agimos abrimos à nossa frente um Novo Caminho, caminho esse em que Vénus e Marte se podem unir novamente. Onde a nossa acção e desejo são orientados pelo coração, pela emoção e pelo Amor Incondicional. Onde o Mundo do Fantástico se torna no Mundo Real, onde tudo acontece, onde somos felizes
vendo fadas e gnomos, entidades e anjos.

Essa busca, esse trilhar de um caminho novo trará muitas feridas ao de cima, sem dúvida, mas o Amor tudo cura. Haverá opositores ao nosso caminho, obstáculos com os quais não contávamos, mas a determinação, a busca concreta e bem planeada, baseada no nosso autoconhecimento, será uma ajuda preciosa. Além disso, a fé move montanhas e são momentos como esses que nos levam a expressar a nossa verdade com toda a nossa paixão pelo que fazemos e por quem somos.

Claramente que nessa expressão teremos de aprender a ser flexíveis, a adaptar-nos àqueles que caminham connosco, mas essa adaptação será apenas ao nível da comunicação, nunca deveremos deixar de agir sobre o nosso caminho seja por quem for, não devemos estar amarrados a ninguém, nem a nada. Adaptar a forma como nos expressamos, mas nunca o conteúdo, essa é uma lição difícil de aprender, pelo menos para mim.
Vamos ver onde o Carro nos levará esta semana.

Num dia da Visitação de Nossa Senhora e de São Miguel, Regente da Energia de Sol
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...