segunda-feira, outubro 08, 2012

Rainha de Espadas

Hoje a energia está em sintonia com a carta da semana, a Morte.

A Rainha de Espadas pede-nos que cortemos com os padrões antigos, que eliminemos drasticamente as velhas normas, os padrões machistas da sociedade. Está cada vez mais presente a necessidade que esta sociedade actual tem de dar hipótese ao matriarcado.

Tudo, nos últimos tempos, me tem levado para este novo caminho, para a urgência da importância da mulher representar um papel mais activo na sociedade. Não quero com isto dizer que o homem deve ser relegado para segundo plano, de todo. É preciso não esquecer as lições do passado e tudo nos mostra que é no equilíbrio do masculino com o feminino que conseguimos a evolução perfeita, harmoniosa. Mas agora, neste momento, a mulher precisa de se impor, erguer e determinar.

Esta semana que passou descobri que os meus antepassados, nas suas ligações matrimoniais, passaram o nome da família erradamente, ou supostamente de forma errada de acordo com as normas da sociedade. E isto tem tudo a ver com a Rainha de Espadas que, no tarot de Crowley, é representada por uma mulher madura com a cabeça de um homem barbudo na mão esquerda. É o fim das ideologias religiosas, políticas, sociais instaladas há anos e que não fazem mais sentido.

É momento de questionar a nossa maneira de pensar sobre a realidade, momento de mudar de perspectiva e ver o mundo através de outros olhos, resgatando a nossa espontaneidade. Revoltarmo-nos em todo o lugar onde prevaleçam ideais machistas, trogloditas, caducos e, principalmente, dogmáticos. É tempo de mudar.

Como sempre, o caminho começa em nós. Mudemos a nossa forma de pensar e, por conseguinte, mudaremos a nossa forma de actuar.

Na segunda hora de Júpiter do dia Lua e de São Pelágio, S. Demétrio de Salónica, S. Sira e S. Tais
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...