segunda-feira, junho 30, 2014

O Sol

É o 1.º planeta que deve ser observado no nosso mapa astral. Representa o princípio criador inerente a cada pessoa. Mostra-nos o potencial criador, onde posso e quero brilhar. É o espírito interior de cada ser. 
Toda a vida se desenvolve da relação Sol / Lua.
Para estarmos no máximo do nosso potencial devemos estar a viver o nosso Sol. É o grande foco emanador da vida, luz e calor.
O sol é consultado para se conhecer sobre a vitalidade e influências sobre realizações externas e a sua possibilidade de sucesso e brilho.

A casa onde se encontra o Sol vai-nos revelar a área de vida onde a pessoa tem mais capacidade de brilhar ou de se realizar, o potencial que pode vir a atingir.
Associado à identidade.

segunda-feira, junho 23, 2014

As fogueiras de S. João

Este ano nas fogueiras de S. João vou pular que nem uma Louca, brincar com a chama para purificar toda a sombra que haja ainda em mim. Vou brincar com a água para limpar as impurezas que restarem. Este ano nas fogueiras de S. João vou eliminar o Goblin, não o nutrirei mais.

sexta-feira, junho 20, 2014

A ouvir


Na primeira hora de Lua de um dia de Vénus e de S. Silvério, S. Macário e S. Bernardo de Claraval

terça-feira, junho 17, 2014

o S. foi à escola

Demorámos algum tempo, é verdade. Mas em minha defesa, eu simplesmente me esqueço do tempo, acreditem, tenho alarmes no telemóvel para tudo, pois a minha noção de tempo está toda alterada. Entre beijinhos, abracinhos, mamadas e muda de fraldas, Saturno não me alcança, criámos o nosso próprio ritmo.

Mas ontem foi o dia, o dia de apresentar o S. às tias e tios que ainda não o tinham conhecido. Ainda agora, 24 horas depois me emociono. O amor e carinho com que fomos recebidos é impressionante, não que não saibam que gostam de mim, mas de repente ver esse mesmo carinho expandido para o meu rebento, foi impressionante, de facto. Entre o colinho e a conversa doce, os narizes e barbas fartas, as carecas e as caretas, passaram-se duas horas de muita ternura e boa disposição. A morrer de sono mas a resistir para aproveitar ao máximo todas as novidades e sensações.

quarta-feira, junho 11, 2014

O Sol

O círculo é a representação do universo, do todo.

A representação do ponto interior significa a manifestação da essência da vida inserida no universo espiritual, o Ser.

O Sol é o símbolo daquele que tudo contém; é a manifestação espiritual da personalidade, é a unidade no seio da totalidade.

Na primeira hora de Sol de um dia de Mercúrio e de S. Barnabé e Santa Rosalina.

terça-feira, junho 03, 2014

O Sol em junho

E o Sol chega em junho (rezamos todos para que sim, já estamos cansados de frio, não?) mesmo se parece ser só nas cartas de Tarot.

Depois de um mês a dar ouvidos ao corpo e aos seus impulsos e desejos, com a Força, chega a hora de ouvir o silêncio interior, redescobrir a força que temos dentro com o Sol interior de cada um.

Não somos só uma Estrela, mas também um Sol, cheio de energia e vida. O Sol, em astrologia, é o planeta que nos dá as características únicas, individuais, pois ele é o representante da nossa consciência. Assim o é também neste Arcano Maior.

Junho é, portanto, um mês para desenvolver a autenticidade, a individualidade, aquilo que nos torna únicos. Se no mês anterior tornámos conscientes os impulsos do corpo, aprendemos a respeitá-los e integrá-los como parte fundamental do nosso Ser, este mês reconheçamos e valorizemos as nossas qualidades únicas e passemos a usá-las, sem medo, sem entraves. Chegou a hora de deixar o rebanho e de nos ampliarmos, mesmo que isso nos afaste dos outros, desde que seja para nos encontrarmos nada pode ser mal feito.

Portanto, junho é para nós, é para o Eu, é para o Sol. Vamos nessa?

Na segunda hora de Marte de um dia de Marte e de S. Ovídio, Santa Paula e S. Carlos Lwanga
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...