terça-feira, outubro 28, 2014

Carneirinha

Que saudades de escrever...

O tempo não tem sido meu aliado, parece que é escasso para tudo o que há para fazer. Acredito que tem a ver com a época em que estamos. Acabou o verão, começou o outono e, naturalmente, começamos a economizar energias. 

Também há diferenças claras nas prioridades, pois quando há efectivamente tempo, uso-o para actividades diferentes daquelas que eram habituais. Enfim, é a vida a mudar naturalmente. Mas hoje deu-me saudades de escrever e nos cinco minutos que tenho livres, vim aqui cumprir tal desejo.

A propósito da carta do mês, o Imperador, hoje deixo uns breves apontamentos sobre o signo que a rege - Carneiro.

É o primeiro signo do Zodíaco, um signo de Fogo (começa no equinócio da primavera). Faz parte da Cruz Cardeal e é regido por Marte. Por ter tal planeta é muitas vezes associado a todos os inícios, também por ser o primeiro signo de Fogo; tem força para arrancar, mas esta está ainda por organizar.

Como aspectos positivos podemos considerar a coragem, a liderança, o impulso para fazer e a força no seu estado bruto. Como negativos temos a (famosa) impulsividade, agressividade e alguma dificuldade em se adaptar ao ritmo dos outros.

É: 

Imediato
Competitivo
Corajoso
Independente

As palavras-chave são Eu ajo, eu actuo! e a parte do corpo associada é a cabeça.

Na segunda hora de Júpiter de um dia de Marte e de S. Simão, S. Judas, S. Alfredo e S. Faro

sexta-feira, outubro 03, 2014

O Infante a propósito do Imperador

Deus quer, o homem sonha, a obra nasce.
Deus quis que a terra fosse toda uma,
Que o mar unisse, já não separasse.
Sagrou-te, e foste desvendando a espuma,

E a orla branca foi de ilha em continente,
Clareou, correndo, até ao fim do mundo,
E viu-se a terra inteira, de repente,
Surgir, redonda, do azul profundo.

Quem te sagrou criou-te português.
Do mar e nós em ti nos deu sinal.
Cumpriu-se o Mar, e o Império se desfez.
Senhor, falta cumprir-se Portugal!

in Mensagem de Fernando Pessoa

Na segunda hora de Mercúrio de um dia de Vénus e de S. Cândido, S. Maximiano e s. Francisco de Borja

quinta-feira, outubro 02, 2014

Anjos da Guarda

E porque hoje é dia deles, fica aqui a minha homenagem àqueles seres, que se diz habitarem o reino dos céus, que nos protegem todos os dias.

A todos os Anjos da Guarda, um abraço caloroso de agradecimento pela vossa protecção.

Na primeira hora de Lua de um dia de Júpiter e de Santa Leodegária e dos Santos Anjos da Guarda

quarta-feira, outubro 01, 2014

Ele Impera(dor)

Há um mês e uns dias que não venho aqui, no entanto, a energia esteve presente, foi, sem sombra de dúvida, a Torre que andou a fazer das suas.

Setembro terminou e com ele uma quantidade de assuntos pendentes, de atitudes e valores caducos. Para outubro temos o Imperador a energizar-nos, a dar-nos força para reconstruir o que a Torre derrubou.

Esta energia não é das que mais sai, uma busca pelo espaço e facilmente se chega a essa conclusão. Ao fazê-lo descobri uma situação muito curiosa, não é que esta configuração já aconteceu uma vez!!! No início do ano 2011, mais precisamente de 18 de janeiro de 2011, semana em que apareceu a Torre, a 31 de janeiro, fim da semana com o Imperador. Tal sincronia e aparente repetição não pode deixar de ser notada. Será prudente ir atrás no tempo e ver se alguma situação dessa altura está pendente na nossa vida ou simplesmente verificar que passámos um ciclo, que fechámos o círculo.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...