sexta-feira, julho 18, 2008

Invocar e enviar Poder Mágico

Para começar é necessário definir o que é o Poder Mágico, só sabendo do que se está a falar se poderá invocar e enviar. O Poder Mágico é a energia que Mago invoca e molda para seu uso, para os seus objectivos.

Conseguir invocar o Poder Mágico é de uma utilidade extrema para o Mago, seja em que momento for, eu por exemplo invoco o Poder Mágico do meu Nome quando me sinto a ser atacada e impossibilitada de reagir ou quando estou a precisar de me concentrar em alguma coisa. Mas quando nos referimos a invocar a energia para questões de rituais estamos simplesmente a relembrar que tudo neste Universo é constituído por energia, moléculas.

Quando o Mago pretende invocar as energias de algo à sua volta apenas está a aumentar o campo vibratório do objecto. Por exemplo, quando utilizamos catalisadores durante um ritual temos a consciência de que esse objecto não tem poder em si, é apenas quando o mago invoca o poder que lhe conferiu antes do ritual que este poderá ajudá-lo no seu trabalho.

Então, invocar energia é simples, basta aceitar que tudo tem um campo vibracional e com essa consciência aumentar a vibração e utilizar a energia que se produziu. Depois de invocar essa energia o Mago deve concentrá-la no seu chakra de poder, ou num sítio dentro de si. Ao centralizar a energia o Mago está a moldar essa energia com a sua e dessa forma a aumentar o seu poder.

Depois de centralizar a energia, devemos visualizá-la a sair em direcção ao objectivo pretendido. Eu visualizo a energia a sair pelo meu chakra, mas há quem o veja a acontecer através dos seus dedos de poder, ou da varinha mágica. Mais uma vez, o que interessa não é por onde a energia sai, mas sair. É sempre aconselhável realizar um gesto que acompanhe uma intenção, mesmo se a Magia actua no plano astral, em primeiro lugar estamos a realizá-la no plano físico e é por isso importante que se aja de acordo com o que se pretende.
Quando se treina esta técnica devemos no fim ter em atenção se o nosso nível energético ficou equilibrado, pois pode acontecer que ao expulsar a energia se faça em excesso, mas nada que a prática não resolva.
Esta técnica deverá ser praticada pelo menos duas vezes por semana, de forma a ser melhor dominada. Quando o Mago tiver esta técnica dominada, poderá com rapidez invocar e enviar o poder mágico a seu bel-prazer.

Num dia de Vénus e de Anael, de Santa Marinha e de São Frederico
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...