quinta-feira, outubro 09, 2008

Agostinho da Silva

Para hoje, que não tenho muito tempo, apetece-me deixar umas quadras de Agostinho da Silva, esse pensador que me coloca em reflexão constante. Escolho algumas, poucas, pois por vezes muita informação é perigoso...Aqui fica, espero que gostem e que reflitam também.

A face oculta da lua
só banha de seu luar
aqueles que não o vendo
o sabem imaginar.
De não ter juízo algum
já tirei dois benefícios
não fazer economias
nem meter-me em sacrifícios.

Não repita coisa alguma
do futuro é o renovo
se faz anos os desfaça
e a tudo nasça de novo.

Talvez seja isto somente
o de mais perfeito ensino
ter homem a liberdade
de se entregar ao destino.

Para tantos existir
é uma queixa pegada
terem de ganhar a vida
quando afinal lhes foi dada.

Num dia de Júpiter e de Saquiel, de São Dionísio e de São Dinis
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...