sexta-feira, junho 06, 2008

Reflexão - XXI

Esta semana tenho andado bastante ocupada, quer em termos exteriores como interiores. Durante esta semana, estou em meditação com a Lâmina XXI - O Mundo. Faz já algum tempo que ando a estudar o Tarot, para ser mais precisa já três anos. Houve uma altura em que as meditações eram com citações da Cabala, onde cada carta representava um dos caminhos da Árvore da Vida. Contudo, agora decidi, já lá vai quase um ano, que deveria meditar sobre a sua simbologia, sobre os elementos que cada uma contém e analisá-las de acordo com a Evolução do Herói.
Assim, todas as semanas começo uma carta nova e o seu significado vai-me sendo dado a conhecer durante os sete dias que se seguem ao estudo. Às vezes acontecem coisas muito giras, sincronias interessantes, como por exemplo, no Domingo começam a aparecer situações que já me estão a remeter para a Lâmina seguinte. Tem sido uma viagem interessante, pois aprender o significado de cada carta ao colocá-la na minha vida pessoal, tem me ajudado muito a compreender o meu próprio funcionamento a níveis interiores.
O que me leva então a esta em particular.
Tem acontecido muitas mudanças na minha vida, tenho conseguido estar a realizar a Pedra Verde do Alquimista, a cada dia que passa, com as minhas moléculas a mudar, eu mudo também. Tenho conseguido estar atenta ao que me rodeia e em harmonia por dentro, talvez nem sempre mas cada vez mais. O que a carta XXI nos revela é exactamente a mudança em perfeita harmonia. O Mundo é a carta que nos mostra que quando estivermos preparados as coisas acontecem, já não ficamos à espera que a Roda da Vida mude e nos traga o que queremos, com esta carta somos nós que assumimos o controlo, porque após tantas provas estamos mais do que limpos e em condições de nos unirmos à Energia Crística e fazer o nosso percurso.
No centro da Carta temos uma mulher que se encontra numa posição de dança, ou o mesmo será dizer movimento harmonioso em perfeito equilíbrio com o nosso interior. Esta mulher representa o Mago, agora completamente transformado, depois de passar todas as provas e ter sido bem sucedido. Esta personagem lembra-me uma citação de Fausset que dirá tudo sobre o caminho que o Mago passou para chegar aqui e libertar-se para a essência do Louco.

Só há um milagre no mundo: o do renascer da divisão para a totalidade.
Com efeito, esta semana tenho passado provas que poderiam ser consideradas difíceis, mas a verdade é que as passo com uma graciosidade como nunca antes fui capaz, esta graciosidade assemelha-se à dança da mulher na carta, pois tenho conseguido ser verdadeira, bondosa e bela nos meus actos, o que me tem deixado muito feliz.
Esta semana abri as portas do meu coração e deixei que todos sentissem o meu Amor, lembrei a minha essência e libertei-me à imagem e semelhança da Carta XXI.
Estou muito feliz comigo!

Num dia de Vénus e do Arcanjo Anael, São Norberto e São Alexandre
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...