sábado, maio 31, 2008



A Gnose permite-te que saibas de um Deus desconhecido e remoto em relação a este mundo, um Deus em exílio face a uma criação falsa que, em si mesma, constituiu uma queda. Tu, em ti próprio, ao conheceres e seres conhecido por este Deus alienado, chegarás a compreender que originalmente o teu eu mais profundo não fazia parte da Criação-Decaída, mas que remonta até a um tempo arcaico antes do tempo, quando esse eu mais profundo integrava uma plenitude que era Deus, um Deus mais humano do que qualquer outro venerado desde então.


Harold Blomm, in Augúrios do Milénio- A Gnose dos Anjos, dos Sonhos e da Ressurreição


Num dia de Saturno e do Arcanjo Cassiel, da Visitação da Nossa Senhora e de Santa Petronilha
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...